sábado, 2 de outubro de 2010

NOTA A IMPRENSA

enviado por email pelo vereador Edevaldo Alves Teixeira

Eu, Edevaldo Alves Teixeira, brasileiro, bacharel em Administração Pública, vereador na Cidade de Diamantino-MT, venho através desta, solicitar a ajuda da imprensa séria, a imprensa que cumpre os preceitos constitucionais, e preza pela Verdade e Imparcialidade.
O apresentador Márcio Mendes, do programa Comando Geral SBT – TV Diamante, cujo canal é da UNED (faculdade dos Mendes), armou uma emboscada, conhecida popularmente como “Cama de gato”. O referido apresentador está revoltado com meu trabalho de legislador, pois no interesse de zelar pelo dinheiro público descobri que o Sr Márcio Mendes recebia R$ 3.600,00 (três mil e seiscentos reais) de salário como assessor de imprensa daquela casa de leis, além de um contrato de publicidade e publicações com o Jornal do Sr Márcio de R$ 25.000,00 (vinte e cinco mil reais), mais aditivo que não foi informado o valor pela secretaria daquela casa de leis.
Afirmo ainda que o Sr Márcio Mendes era proprietário do Jornal/Site O Divisor e que se adequou passando a empresa para o nome de sua irmã Cristiane Mendes Cardoso. Através de apuração constatei que o Executivo também mantinha vínculo com as empresas de comunicação do Sr Márcio, que recebeu num período de quatro meses a quantia de R$ 54.000,00 (cinqüenta e quatro mil reais), comprovados pelos documentos em anexo.
Ocorre que no dia 27/09/2010, logo após a sessão ordinária da Câmara de Vereadores, por volta das 19h40m, quando em minha saída da Câmara Municipal fui atacado pelo apresentador e seus repórteres de forma truculenta. É sabido, por toda a sociedade diamantinense, que não concedo entrevista a esse meio de comunicação que sempre usa do recurso de edição para distorcer os fatos.
A matéria veiculada na imprensa foi editada para me prejudicar, mas o que mais intriga nos acontecimentos é que Marcio Mendes é um criminoso que mantém seus negócios a base de chantagem e corrupção com dinheiro público. Ele, para aparecer, tentou se fingir de vítima para projetar na mídia estadual sua armação, buscando com isso me enquadrar na quebra de decoro parlamentar.
Quero elogiar a repórter MÁRCIA PACHE, da TV Centro-Oeste, afiliada do SBT no Mato Grosso, que foi agredida pelo vereador LORIVALDO RODRIGUES DE MORAES, pois esta estava em um trabalho sério, onde apurava denúncias contra fraudes praticadas pelo vereador que a agrediu.
Quero também elogia a TV PISON, filial da TV RECORD, que faz um trabalho sério aqui em Diamantino, onde seu repórter EDENIR e o cinegrafista ELIAS estavam presentes e presenciaram todo o fato ocorrido.
Mas quero deixar bem claro que em Diamantino a coisa é terrível, eu sou o vereador que investiga e faz denúncias contra o Executivo quando existe irregularidades e justamente no papel de fiscalizar descobri que o apresentador Márcio Mendes estava sendo financiado pelo poder público, conforme documentos em anexo.
Marcio Mendes, apresentador da TV Diamante e proprietário do jornal “O Divisor”, jornal este que está em nome de laranja, ou seja, da sua irmã Cristiane Mendes, recebia os seguintes valores dos poderes públicos:

• Câmara Municipal de Diamantino contratou o referido como assessor de imprensa há quase quatro anos e não cumpria seu horário. Mesmo sendo assessor do legislativo, o Sr Marcio só criticava minha atuação e de alguns vereadores que não estão alinhados a seus financiadores e recebia da Câmara Municipal como funcionário o valor de R$ 3.600,00(três mil e seiscentos reais) por mês;

• A Câmara Municipal de Diamantino mantém contrato com o jornal O Divisor, de “propriedade” do Sr Márcio Mendes no valor de R$ 3.125,00(três mil cento e vinte e cinco reais) por mês;

• Quando Diane Alves foi prefeita de Alto Paraguai, Márcio Mendes recebia como assessor de comunicação social, R$1.105,00 (hum mil cento e cinco reais), sendo que o referido contrato é de cargo comissionado, tendo que ter dedicação exclusiva. Além do contrato com o jornal “O Divisor”, sendo também funcionário da Câmara de Diamantino, tendo acúmulo de cargo;

• Na gestão do então Prefeito JUVIANO LINCOLN, em apenas quatro meses, destinou à TV Diamante e Jornal O Divisor o valor de 54.000,00 (cinqüenta e quatro mil reais). Denúncia esta no Ministério Publico.

Segue em anexo documentos que comprovam o que afirmo, inclusive o crime de pistolagem praticado por Márcio Mendes.

Em razão da minha atuação como fiscalizador do povo, eu e minha família sofremos com críticas de cunho destrutivas por parte da IMPRENSA MARRON, e que me ameaçou de morte conforme o B.O. nº 1389/2010 do dia 24/08/2010
Todas as minhas denúncias foram feitas também no Ministério Público dia 31/08/2010.
Devido às minhas denúncias, Márcio Mendes foi obrigado a pedir Exoneração do cargo de assessor de imprensa da Câmara Municipal de Diamantino. A Prefeitura Cancelou o contrato com a TV Diamante e Jornal O Divisor, pois Erival Capistrano não atende a chantagens.
Este vereador está sendo perseguido por este tipo de imprensa, que só quer viver mamando nas tetas do Poder Publico e vive de forma mesquinha e inescrupulosa, querendo intimidar as pessoas desta cidade e região. Gostaria que o Sindicato dos Jornalistas de Mato Grosso viesse a Diamantino e região apurar a atuação do Sr Márcio Mendes, que se diz Jornalista e para saber a verdade sobre o episódio e a atuação desse cidadão desprezível, que usa seus meios de comunicação e o nome de jornalista para fazer chantagem a políticos e empresários da região (Nobres, Alto Paraguai, Rosário Oeste, São José do Rio Claro, Arenápolis e Denise etc.)
Agradeço a todos pelo apoio de solidariedade que recebemos via telefone, e-mail, nos comentários postados nos sites que divulgaram a matéria montada pelo Sr Márcio Mendes e nas ruas da cidade, onde o povo conhece a Verdade, conhecem a mim e ao Márcio Mendes.

Diamantino 01 de outubro de 2010

Grato,

Edevaldo Alves Teixeira “Jabuti”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

MANDE O SEU COMENTÁRIO!

O BLOG DO PROFESSOR ODEMAR MENDES não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. Se você se sentir ofendido pelo conteúdo de algum comentário dirigido a sua pessoa, entre em contato conosco pelo e-mail odemarmendes@hotmail.com