segunda-feira, 19 de março de 2012

Parentes de jovem morto realizam campanha para doação de sangue

Iniciativa foi realizada no sábado (17), dia em que o jovem faria 21 anos.

Em um único dia foram arrecadadas 30 bolsas de sangue.


Amigos e familiares do estudante Luís Fernando Maciel Dalla Favera, que foi assassinado em outubro do ano passado na saída de uma casa noturna localizada em Diamantino, a 209 quilômetros de Cuiabá, realizaram no sábado (17) uma Campanha de Doação de Sangue, dia em que o jovem completaria 21 anos.
“A iniciativa serviu para conscientizar a população sobre a importância de se doar sangue”, ressalta a mãe de Luís Fernando, Maria Lorena Maciel. O jovem, que foi baleado quando saiu para se divertir com os amigos, chegou a ser socorrido mas faleceu dois dias depois em um hospital particular de Cuiabá. Ele precisou de 23 bolsas de sangue. “Ele teve todo o sangue necessário. Isso é um dos motivos que me faz lutar ainda pela vida”, diz.
Luis Fernando Dalafávaro, pai do jovem assassinado, explica que a doação é uma forma de ajudar o próximo. A estudante Alessandra Ferreira, que participou da campanha, complementa sobre a importância da ajuda. “Não sabemos o dia de amanhã, quem sabe somos nós ou nossos filhos que estejam precisando de sangue”.
Em um dia de campanha foram arrecadados 30 bolsas de sangue. O número é um marco para o Hemocentro que não recebe nem 1% do total de cadastrados com doadores. “Todos os dias temos uma demanda muito grande para atendimento mas infelizmente temos poucos doadores que vêm constantemente”, informa a assistente de captação do Hemocentro, Magda Matos.
Informação – Quem quiser ser um doador de sangue pode ligar no telefone (65) 3623 0044 ou comparecer na sede do Hemocentro, localizado na Rua 13 de Junho, nº 1.055, no bairro do Porto, em Cuiabá. Os doadores devem estar saudáveis, com idade entre 18 e 67 anos. Jovens com idade entre 16 e 17 anos podem doar (somente na Sede) com a presença de um dos pais ou responsável legal. O doador deve pesar no mínimo 50 quilos, estar bem alimentado, ter dormido pelo menos 6h na noite anterior à doação e portar documento oficial com foto válido em território nacional. Para doar, também é necessário não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 12 horas.

FONTE - Do G1 MT com informações da TV Centro América



Nenhum comentário:

Postar um comentário

MANDE O SEU COMENTÁRIO!

O BLOG DO PROFESSOR ODEMAR MENDES não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. Se você se sentir ofendido pelo conteúdo de algum comentário dirigido a sua pessoa, entre em contato conosco pelo e-mail odemarmendes@hotmail.com