terça-feira, 26 de junho de 2012

NÃO BASTA OBSERVAR ERROS! É PRECISO TER PROJETOS E CLAREZA!


O poder econômico já pesou mais em disputas eleitorais. Hoje, apesar do dinheiro e de tudo o que o mesmo pode gerar, há, no geral, um eleitorado que discute, investiga, parte para o embate, zomba, propõe, ou simplesmente analisa em silêncio a postura dos políticos, dos partidos, das alianças e depois decide mediante critérios mais interessantes. Antes, um coronel qualquer e seu dinheiro compravam tudo e calavam a todos, era um jogo de cartas marcadas. Agora, é preciso ter projeto, desenvoltura, clareza e ficha limpa. Junto disso, também convém a políticos e partidos uma postura pública que seja crítica sim, mas que ultrapasse a crítica e se torne propositiva. Não basta reclamar! É preciso resolver!
Como já disse anteriormente em outras postagens, não sou um seguidor nem um admirador do nosso atual prefeito. Porém, convido o visitante deste blog a observar um fato: por mais que prefeito, seja criticável, há muitas pessoas em Diamantino que, sem mais esforço em propor solução para os problemas, resolveram que boa plataforma política é “detonar” a atual administração dia e noite, como se ela fosse eterna e como se nós pudéssemos viver disso, sem maiores esperanças.
Não pode ser plataforma política séria de ninguém a simples oposição a um grupo que, talvez em janeiro de 2013, não ocupará mais o poder, mesmo que um dos seus seja eleito, afinal há as peculiaridades de cada indivíduo em sua maneira de governar. Mas se, desde agora, tudo o que a pessoa sabe é observar as falhas, então essa pessoa não está realmente apresentando uma proposta! Está se aproveitando do clima geral de insatisfação e apenas mexendo no emocional do povo.
Assim, como o poder econômico pesa de maneira diferente, o poder das idéias e dos projetos igualmente. Hoje, diante de um eleitorado descrente dos rumos da política local, não basta ver erros e, ao mesmo tempo, expor um perfil simpático, dizer algo facilmente encontrável em manuais de política. É preciso convidar as pessoas para a elaboração conjunta do futuro, que se dará por via de governo, de busca de investimentos, de interferências concretas no cotidiano do município, havendo do futuro gestor precisar ainda de apoios fortes nos poderes em nível estadual e federal.
Outra observação que precisamos fazer é esta: nenhum futuro prefeito de Diamantino vai mudar nada na política nacional, mas no município apenas. Se há uns e outros tentando ganhar espaço com críticas fáceis e falácias muito pra cima do governo federal e do Congresso Nacional, saibam, eleitor, que isso é balela! Assim que ganhar, se ganhar, o indivíduo e seus sabidinhos se adequarão facilmente à política geral e buscarão apoio de cima, pois necessitarão. A atual política de geração de empregos que o governo federal pratica é bem vista por todos. Os investimentos em diferentes setores, idem. Nosso município mesmo teve, nos últimos anos, um aumento considerável de suas receitas, e isso é fruto das mudanças ocorridas no Brasil.
Vale ainda convidar o visitante deste blog a observar outro ponto: quem deseja uma futura campanha eleitoral perturbada, nervosa, briguenta e obscura, já começa a agir assim agora. Pode não fazê-lo de forma direta, pois tem serviçais para tanto. Quem deseja o contrário, reúne as pessoas e discute sobre os problemas do município, objetivando o futuro.
Você aí considera isso uma séria e acertada plataforma política que nos venha a fazer bem num futuro breve?


TEXTO ADAPTADO O ARAIBU

Nenhum comentário:

Postar um comentário

MANDE O SEU COMENTÁRIO!

O BLOG DO PROFESSOR ODEMAR MENDES não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. Se você se sentir ofendido pelo conteúdo de algum comentário dirigido a sua pessoa, entre em contato conosco pelo e-mail odemarmendes@hotmail.com