segunda-feira, 19 de novembro de 2012

NÃO SE PREOCUPE! O INFERNO VIRÁ ATÉ NOSSAS CIDADES.


Chama-se “boca maldita” à pessoa agourenta que, para nosso azar, acerta nas suas previsões sobre o futuro. Mas, olhando com bons olhos, o “boca maldita” é um grande amigo, um parceiro que não nos engana com otimismos falsos, com bajulações que depois de nada nos servirão quando os problemas, reais e duros, nos atacarem.
E aqui vamos nós, realisticamente, realizar nossa tarefa de “boca maldita”: você está vendo essa violência dos grandes centros, com ônibus incendiados e cidadãos sitiados, pessoas acossadas ou mortas em operações obscuras, famílias inteiras em pânico, policiais caçados como bichos? Pois isso virá para nós, pessoas do interior, pessoas já por demais assustadas com o tráfico de crack e suas conseqüências, roubos e outras violências.
Estou errado? Volte a fita 25 ou 30 anos e veja se nesses nossos municípios havia o que há hoje. É o progresso, é a cultura da desvalorização da vida e da supervalorização do dinheiro. Não adianta fingir que não vê, tampouco se esconder nalguma bruma misteriosa de alguma bodeguinha evangélica. O problema está aí para ser objetivamente encarado. Sabe o que é esse “objetivamente”? Quer dizer que é um problema político e que precisa de ação governamental, mas com a participação de todos os setores da sociedade.
A violência tem se tornado praticamente um estilo de vida, uma cultura-eixo, quase uma matriz criadora, quando, na verdade, destrói o que se encontra em seu caminho. Há algo de sombrio em nosso destino e precisamos nos perguntar sinceramente o que é isso, sem “metafísicas” enganadoras nem “imediatismos” burros.
De modo simples e conciso, eis um texto sobre a violência em SP e SC: ”A guerrilha dos ônibus queimados”.
Antes de começar a gritar por Deus, leia um livro!

fonte - O araibu

Nenhum comentário:

Postar um comentário

MANDE O SEU COMENTÁRIO!

O BLOG DO PROFESSOR ODEMAR MENDES não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. Se você se sentir ofendido pelo conteúdo de algum comentário dirigido a sua pessoa, entre em contato conosco pelo e-mail odemarmendes@hotmail.com