terça-feira, 14 de maio de 2013

Dr. Celito fala na tribuna da Câmara Municipal de Diamantino

Usando do direito de resposta, o advogado Celito L. Bernardi usou da Tribuna da Câmara de Diamantino para se defender do pronunciamento do vereador Edílson Mota Sampaio (PDT); julgado ofensivo pelo advogado.

Na Sessão anterior, o vereador culpou o advogado, junto com outros [Gildo Capeletto e Eduardo Capistrano] e Julyelson Vitorassi Vitorassi [Juventude Ativa] de serem os culpados pela não contratação de médicos pelo Município.

O ex-presidente da OAB, Subseção de Diamantino afirmou que perdeu o sono, nos últimas noites, em decorrência do incidente. O advogado se defendeu, dizendo ser honrado, como cidadão e como profissional e tem contribuído com o desenvolvimento municipal. Ele citou o empenho próprio para a instalação da Vara Federal em Diamantino.

O parlamentar retratou, se desculpou e disse que se sentia envergonhado, diante do advogado Celito Bernardi.

Tudo começou no ano passado, quando o Legislativo aprovou o subsídio das autoridades municipais. Questionado publicamente e na Justiça, a remuneração do prefeito serve de parâmetro e teto para pagamento de salários para servidores do Município, inclusive médico. A atual remuneração não atrai a vinda de médicos para Diamantino.



FONTE - FACEBOOK

Nenhum comentário:

Postar um comentário

MANDE O SEU COMENTÁRIO!

O BLOG DO PROFESSOR ODEMAR MENDES não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. Se você se sentir ofendido pelo conteúdo de algum comentário dirigido a sua pessoa, entre em contato conosco pelo e-mail odemarmendes@hotmail.com