quarta-feira, 17 de julho de 2013

VOCÊ ACREDITA QUE OS ATUAIS MEMBROS DO CONGRESSO NACIONAL QUEREM MESMO ALGUMA REFORMA?



Senador Blairo Maggi - Você o conhece?


“Esse negócio de floresta não tem futuro.”

(Blairo Maggi, ex-governador do Mato Grosso, presidente da Comissão de Meio Ambiente do Senado Federal)

Acho uma graça, para não dizer outra coisa, quanto a militância do PT vem com a conversa de que a reforma política é um ótimo negócio. E até seria ― se fosse realizada por outros indivíduos, não pelos que estão no atual e falido Congresso Nacional, afinal, se algo diz nos representar e não nos representa, então faliu! Quer provas?

Se um elemento como o deputado Marco Feliciano é o presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara Federal e o senador Blairo Maggi é o presidente da Comissão de Meio Ambiente do Senado, o que podemos dizer? Quer mais? Quem é o presidente do Senado? Renan Calheiros.

Blairo Maggi, se alguém não sabe, é um ruralista, um produtor de soja que ganhou, tempos atrás. o prêmio Motosserra de Ouro, do Greenpeace, isso quando era governador do Mato Grosso. Tal honraria só é concedida a quem tem peso na destruição do meio ambiente.

Estamos ferrados com esse pessoal fazendo uma reforma política! Imagine só!

E no site do Instituto Socioambiental, uma matéria me chamou a atenção: Alves desiste de urgência e cria comissão para analisar projeto que revoga direitos indígenas. Preste bem atenção ao último bloco do texto. E junte as pontas: o agronegócio não é um avanço para o país, pois as vantagens na balança comercial não compensam o modelo, que é concentrador de terras e destruidor do meio ambiente, o que inclui o ser humano atingido por agrotóxicos e outras coisas.

Portanto, pense bem: por que esse Congresso que está aí faria uma reforma que fosse contra os interesses desses que lá já estão a deitar e rolar, como esse Blairo Maggi e o Marco Feliciano? No fundo, nem a Dilma acredita nisso de uma reforma de verdade!
FONTE - O ARAIBU

Nenhum comentário:

Postar um comentário

MANDE O SEU COMENTÁRIO!

O BLOG DO PROFESSOR ODEMAR MENDES não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. Se você se sentir ofendido pelo conteúdo de algum comentário dirigido a sua pessoa, entre em contato conosco pelo e-mail odemarmendes@hotmail.com